Encerramento das comemorações dos 130 anos da TAUC

No próximo sábado, dia 1 de Dezembro de 2018, a Tuna Académica da Universidade de Coimbra assinala, no Salão de S. Tomás de Aquino do Seminário Maior de Coimbra, os 130 anos decorridos desde a sua primeira apresentação oficial, que aconteceu neste mesmo local no dia 1 de Dezembro de 1888.

No dia 1 de Dezembro de 2017, 129 anos depois, a TAUC apresentou-se na Sala do Senado da Universidade de Coimbra (antiga sala docel dos Paços das Escholas), com o propósito de marcar simbolicamente o arranque de 1 ano de comemorações, a caminho de completar os seus 130 anos de existência.

Neste período de 1 ano, e no decorrer dos eventos integrados nestas comemorações, aconteceram vários momentos dignos de registo, dos quais destacamos:
– no dia 1 de Dezembro de 2017: a evocação da Estudantina Conimbricense de 1888 na Sala do Senado da Universidade de Coimbra

– no dia 29 de Janeiro de 2018: a publicação do documento-fotografia da Estudantina Académica de Coimbra de 9 de Dezembro de 1888, com os nomes completos dos seus integrantes.

– no dia 17 de Fevereiro de 2018: a homenagem ao primeiro maestro da TAUC, o Dr. Simões Barbas, em Elvas, a sua terra Natal, e o reencontro, com objectos de inestimável valor para a História da TAUC, proporcionado pelos seus descentes

– no dia 14 de Março de 2018, no TAGV: a estreia da peça encomendada pela TAUC para assinalar estes 130 anos, “Coimbra, estás no meu coração” de Pedro Macedo Camacho

– no dia 25 de Maio de 2018: a publicação, sob a forma de inteiro postal, da fotografia da Estudantina de Coimbra de 1887/1888, redescoberta em 2016 pela malta do Arquivo Digital da TAUC em contacto estreito com um neto de Izidoro Rico (um dos tunos de 1888)

– no dia 25 de Maio de 2018: a estreia do Grupo de Metais da TAUC

– no dia 18 de Novembro de 2018: o «II Encontro de Orquestras Académicas» desta vez com a TAUC guindada a Orquestra Académica da Universidade de Coimbra 🙂 e com a Orquestra Universitária de Santiago de Compostela, estabelecendo pontes entre o passado e o presente.

2017/2018 foi um ano lectivo-artístico preenchidíssimo, que passo mentalmente em revista, e aproveito ainda para relembrar, en passant,  a divertida digressão ao Alentejo, as participações na Semana Cultura da UC e na Queima da Fitas, o VII Encontro de Big Bands, a fotografia da praxe, o jantar de gala do aniversário da TAUC, o lançamento do livro do José Paulo Soares, as significativas obras de melhoramento nas salas de ensaios e de direcção, etc, etc, etc, …

Como o tempo passa veloz !!! …  já vamos no 7.º concerto da OAUC! Esse sonho antigo tornado realidade, que torna ainda maior a nossa querida e simpatiquíssima TUNA ACADÉMICA DA UNIVERSIDADE DE COIMBRA. Aqui Vos deixo um humilde mas sincero agradecimento a Todos os que acreditaram, a Todos os que o tornaram possível e a TODOS os que o sustentam: aos elementos das direcções da TAUC de 2015/2016 e seguintes (Filipe, Marina, Peres, Daniel e muitos mais); à Reitoria da UC com João Gabriel e Clara Almeida Santos; aos maestros André Granjo e Leandro Alves; a todos os músicos que participam e às suas famílias, dando o seu tempo e recursos, o seu conhecimento, o seu entusiasmo, e ajudando a suportar todo este esforço; sem esquecer também o apoio do Conservatório de Música de Coimbra, da Banda do Troviscal, etc, …

Caríssimos Tunos de Todos os Tempos, venham celebrar os 130 anos da TAUC no dia 1 de Dezembro de 2018, participando neste concerto solidário, cujo produto reverte para a Acreditar Associação de Pais e Amigos de Crianças com Cancro.

e, já agora, podemos aproveitar para marcar o arranque das comemorações dos 131 anos da TAUC!!! 🙂

A.C.

Anúncios
Esta entrada foi publicada em Divulgação. ligação permanente.