Maestros

André Granjo – Maestro

conducting1Iniciou aos sete anos de idade o estudo do clarinete na escola da Banda Filarmónica da Mamarrosa. Concluiu depois a sua formação nos Conservatórios de Música de Aveiro e de Coimbra. Entre 1994, ano em que iniciou o curso de Antropologia na U.C., e 2014, foi maestro da Orquestra da Tuna Académica da Universidade de Coimbra (TAUC), e, em 1995, fundou a Big Band “Rags” da TAUC. Em 2005 terminou o Curso de Mestrado em Direcção de Orquestra, na variante de Orquestra de Sopros, na Zuid-Nederlandse Hoogeschool fur Muziek em Maastricht (Holanda), onde foi aluno do Maestro Jan Cober. Apresentou-se já como maestro convidado em Espanha, França, Holanda, Inglaterra, Colômbia, Costa Rica, Macau e E.U.A., tendo dirigido grupos como a Orchestre des Jeunnes du Charantes (França), o Ensemble de Sopros do Royal Northern College of Music, a Banda Sinfónica da P.S.P, o Grupo de Música Contemporânea de Lisboa, a North Texas Wind Symphony e a Banda Sinfónica da Guarda Nacional Republicana. Trabalha regularmente como orientador de estágios para jovens músicos tanto em Portugal como no estrangeiro. No âmbito do seu projecto de Doutoramento desenvolveu trabalho prático de direcção no Royal Northern College of Music, com a colaboração de Mark Heron e Clark Rundell, e com Eugene Migliaro Corporon na North Texas University, onde ocupou um lugar de “Visiting Scholar” no departamento de Wind Music Studies de Março de 2009 a Novembro de 2011. É membro do Instituto de Etnomusicologia – Centro de Estudos de Música e Dança e membro do Conselho Consultivo do IGEB (International Society for Research and Promotion of Wind Music). Enquanto investigador, tem apresentado trabalhos em diversas conferências tanto em Portugal como no Estrangeiro, tendo sido responsável pela organização em Coimbra da 20ª Conferência Internacional da IGEB em 2012. Em Julho de 2011, apresentou-se com a Banda de União Filarmónica do Troviscal no Congresso Internacional da World Association for Symphonic Bands and Ensembles que se realizou na cidade Taiwanesa de Chiayi, tendo gravado nessa ocasião um CD de obras de autores portugueses para a editora americana Mark Custom. É, desde Fevereiro de 2013, co-director da Orquestra de Sopros do DeCA e instrutor no Mestrado de Direcção de Orquestra de Sopros nesta mesma Universidade, para além de ser responsável pelas Orquestras do Conservatório de Música da JOBRA e da Escola de Artes da Bairrada.

Leandro Alves – Maestro assistente/Madeiras

14215668_1430909046924651_169764008_oLeandro Alves ingressou na Escola Profissional e Artística do Vale do Ave – ARTAVE, onde iniciou os seus estudos de oboé com os professores Saul Silva e Domingos Freitas. Licenciado em Ensino de Música, variante de Oboé pela Universidade de Aveiro, sob a orientação de Pedro Ribeiro.

Frequentou masterclasses de Oboé sob a orientação de Alex Klein, Andreas Wittmann, Andrew Swinnerton, Diethelm Jonas, Hansjorg Schellenberger, José Manuel Coutinho, Kristo Kametsky, Pedro Ribeiro, Phillip Hill, Ricardo Lopes e Thomas Indermuhle.
Foi 1º Oboé da Orquestra APROARTE (Associação Nacional de Ensino Profissional de Música e Artes) de 2000 a 2002. Já colaborou com a Orquestra do Festival Portugal & Usa, Orquestra Sinfónica ESART, Orquestra e Banda Sinfónica de Santa Maria da Feira, Banda Sinfónica Portuguesa, Orquestra Clássica de Espinho, Orquestra Sinfónica da Póvoa de Varzim, Orquestra Clássica do Centro, Orquestra do Norte, Camerata Antiqua, Orquestra do Algarve, Ensemble Orquestral do Porto, Orquestra Metropolitana de Lisboa, Orquestra Nacional do Porto entre outras. Tem atuado regularmente como músico convidado com a Orquestra Filarmonia das Beiras e com a Orquestra Gulbenkian.
Leciona Oboé no Conservatório de Música de Coimbra desde 2012/2013 e no Conservatório Regional de Coimbra desde 2010/2011. É professor de Orquestra no Conservatório de Música de Coimbra desde 2011/2012. Foi professor de Oboé na Academia de Artes de Chaves entre 2009-2014 e no Conservatório Regional de Música de Vila Real no ano lectivo 2010-2011.
Orientou Masterclass de Oboé na Academia de Música de Castelo de Paiva (2010) e no Curso Intensivo Técnico-Instrumental da Guia (2013 e 2015).
Frequentou o Mestrado em Direcção de Orquestra na Universidade de Aveiro com o maestro Ernst Schelle. Tem participado em Cursos de Direcção de Orquestra e de Banda, onde trabalhou com diversos maestros conceituados e com a Orquestra Filarmonia das Beiras, a Orquestra do Algarve, a Orquestra Clássica do Centro e o Ensemble da Banda Sinfónica Portuguesa. Dirigiu ainda a Orquestra de Sopros do VIII Estágio da Guia, a Orquestra da Escola de Artes da Bairrada, a Orquestra de Câmara da Maia, a Orquestra do Conservatório de Música de Torrelavega (Espanha) e a Orquestra de Cordas do DeCA – Universidade de Aveiro.
É maestro da Orquestra TAUC (Tuna Académica da Universidade de Coimbra) desde Janeiro de 2015, e maestro da Orquestra do Conservatório de Música de Coimbra desde 2011.